(6) A Terra Fala Do Tempo

(6) A Terra Fala Do Tempo
A Bisavó Galáxia diz, se a tartaruga e a árvore são de todos os meus bisnetos, os mais sábios, vocês, os seres humanos são, de longe, os mais jovens. Tão jovens que são os últimos, aqueles que vêm no topo do “Princípio”. São tão jovens que nem se lembram que a minha sabedoria é a sabedoria da Terra. Se a tartaruga e a árvore são as que têm mais conhecimentos sobre o tempo, então a Terra é a mais sábia de todos.

A Terra é a forma do tempo e a formadora do tempo. Tudo pode ser e saber criar-se a partir da rotação da Terra. Tu és a Terra. A Terra és Tu. Girando a canção universal do dia e da noite, o tempo da Terra é o teu tempo. O teu tempo gira sozinho. Como vais girar o teu tempo? Escuta a história do tempo e saberás!

Há muito tempo atrás, quando o “Princípio” estava no início, quando a tartaruga espalhou a sua vida por todas as espécies em volta Terra, do mar e da ilha, a árvore espalhou todas as suas formas pelas colinas rochosas até às nubladas alturas. Do fundo do seu coração rejubilando a Terra estava feliz!

Agora, tenho crianças que se irão lembrar da minha verdadeira natureza para lá de todas as idades, antes do “Princípio”. E logo cantou a sua canção do tempo:

Qual é a minha forma terrena no tempo?
Um circulo que gira ao seu ritmo
conjunto de esferas enlaçadas
na cobertura das nuvens um íman girando
uma emissão da rádio do som da vida
uma batida suave e redonda do coração que se move em espiral

Olha para baixo e o que vês?
Sol, Lua e Estrelas que mantém tempo comigo

Tudo se transforma na volta universal
Vai se embora o dia, a noite chega
na volta formando um redemoinho
fazendo-o rodopiar no aqui agora
para ajudar a manter a sua forma e a
desenhar um eixo recto e longo
do topo para baixo, dos polos norte e sul
São os círculos de tempo da Terra em objetivo comum.

A Terra é uma forma do tempo. A forma da Terra é uma esfera, bola redonda. A esfera é a forma comum da bisavó galáxia e de todas as bisavós da galáxia, netos e bisnetos. Isto porque, a forma comum do tempo também é uma esfera.

Todas as esferas têm um centro invisível. Este centro invisível mantém a esfera unida e dá-lhe a sua forma no tempo. O tempo irradia deste centro. O tempo mantém a esfera junta. O tempo dá a qualquer esfera o seu molde.

O Tempo é como o sol. O sol irradia sua luz e energia para todos os planetas do sistema solar. A órbita do último planeta dá forma redonda ao poder da radiação do sol. Esta forma redonda é uma grande esfera cujo centro é o sol.

Como o sol, o tempo irradia o seu poder de moldar para fora sob a forma de uma esfera. É assim que a Terra também funciona.

No centro esférico da Terra existe um denso núcleo cristalino. Este núcleo de cristal flutua num mar de ferro fundido. Através deste núcleo passa um eixo. Este eixo conecta os polos magnéticos norte e sul. Linhas de força magnética atravessam o núcleo de polo a polo.

No mais profundo do meu núcleo de cristal
O tempo armazena a sua vasta sabedoria magnética
As minhas marés em ritmo com a lua
As minhas melodias fluindo do sol
O meu coração marca o compasso
puxando a rima infinita da vida

Agora dou-lhe um enigma no tempo
um centro, um eixo, uma margem exterior
um oceano abrindo a sabedoria do tempo
uma tartaruga, uma árvore, uma criança humana
uma concha, um tronco, uma mente selvagem
Se o tempo é o enigma, e tu és a pista
Saberás tu onde encontrar o Hunab Ku?

Scroll to top