Kin 134, Mago Auto-Existente Branco

Qual é a forma?

Kin 134, Mago Auto-Existente Branco

Encantar, Medindo a Receptividade com o poder da Intemporalidade

Kin 134, Mago Auto-Existente BrancoO Tom Autoexistente (CAN) induz-me a questionar: o quê, onde, quando, porquê e como; induz-me a definir detalhes, especificar, determinar parâmetros e medir possíveis cenários. Planeio e sonho com a estrutura que almejo! A sabedoria do tom autoexistente ajuda o meu desenvolvimento ao observar que, quando registro a fórmula para a criação de algo, os outros podem replicá-las, baseando-se nos meus valores. Lembro-me das minhas definições cotidianas e construo as minhas próprias percepções, que dão forma ao mundo. Todos funcionamos como sistemas abertos, portanto sou capaz de reestruturar as minhas perspectivas e transformar a minha realidade!

O Mago Branco (IX) representa a intemporalidade, o momento presente, o aqui e agora. É o mágico cujos poderes são activados através da sabedoria que emana do coração. É a sabedoria que vem a partir do alinhamento da mente com o coração. Um coração aberto e confiante é uma ferramenta de percepção. Eu sou tempo! Ser receptivo à minha percepção individual do tempo é estar em sincronia comigo mesmo, e isso garante que estou naturalmente sincronizado com a realidade exterior. O Mago conjura feitiços e encantamentos. Feitiços são mitos pessoais que constroem e definem nossas vidas. Ao tornar-me consciente dos feitiços que conjuro através das minhas palavras e crenças, posso melhorá-los e magicamente mudar a minha vida. O Mago Branco pede-me que utilize completamente o alinhamento da mente e coração para participar na magia. A receptividade convoca a autenticidade, a transparência e a cura. A intemporalidade é uma dimensão energética representada por uma noção linear do tempo. Juntos, lembramo-nos que o tempo é o factor universal de sincronização. O momento presente é sempre um oráculo vivo. O Mago Branco pede que vá em direcção ao meu auto empoderamento. Quando sinto necessidade da aprovação dos outros, olho para dentro e encontro poder. Quando estou entretido, a fazer algo que me dá prazer, a minha energia naturalmente expande, e a magia flui sincronicamente pela minha vida. Alinho-me com a minha essência. Sou transparente. Permito inocentemente que a magia flua por mim em vez de ter que a criar. Abro-me para o conhecimento do coração e das suas possibilidades.

A forma ideal emerge quando entrego o propósito de brincar, atraindo a ilusão bem como os meus desejos ao Plano Maior e me torno receptivo e confiante em relação à forma que é canalizada através de mim. Uso o poder da definição para ver, compreender e relacionar-me com a vida mais autenticamente. Medir permite-me ver a dimensão das coisas e dá-me o poder do discernimento, para que se manifeste o alinhamento correto.

“Hoje, aproveito a ocasião para fazer que outros conheçam a verdade, em uma forma sábia e discreta, como um mago.”

Kin 134, Mago Auto-Existente Branco

Eu defino com o fim de encantar
Medindo a receptividade
Selo a saída da intemporalidade
Com o tom auto-existente da forma
Eu sou guiado pelo poder do coração

 

Tom 04: Autoexistente (CAN) – Qual a forma?
PODER – Define | ACÇÃO – Mede | ESSÊNCIA – Forma

SELO 14: Mago Branco (IX)
PODER – Intemporalidade | ACÇÃO – Encantar | ESSÊNCIA – Receptividade