Kin 37, Terra Espectral Vermelha

Como liberar e deixar ir?

Kin 37, Terra Espectral Vermelha

Evoluir, Libertando a Sincronicidade com o poder da Navegação

Kin 37, Terra Espectral Vermelha
Kin 37, Terra Espectral Vermelha

O Tom Espectral (BULUC) representa o poder da dissolução criativa e da estrutura dissonante. Aquilo que pode parecer o caos e a destruição pode ser, na verdade, uma força necessária para liberar e libertar estruturas e paradigmas rígidos. Conforme liberto o que já não me serve mais, crio novas oportunidades para novos conhecimentos surgirem. O tom Espectral tira-me da rotina, deixando-me livre de expectativas e noções pré-definidas, libertando-me num espectro de possibilidades! O poder espectral encaminha-me para dissolver conceitos fixos, medos ou padrões instalados na minha mente. O Tom Espectral declara: “Eu atraio as reviravoltas e descobertas, eu dissolvo identidades, eu abro espaço para novos modelos, eu manejo a dissonância como uma força que liberta, eu dissolvo crenças limitantes e construo – sem caixas, sem separações, sem fronteiras”.

Como um sistema em sincronia, a Terra Vermelha (Caban) é o ser consciente e senciente, um membro íntegro da comunidade galáctica. A humanidade, como parte única desse sistema vivo, pertence à Terra, e a nossa evolução colectiva é uma jornada compartilhada através do tempo. Ao viver em ressonância com a Terra, mantenho uma conexão mútua que alimenta o meu espírito e informa a minha navegação. Troco o poder da cura e do suporte quando afirmo conscientemente a minha unidade. A sincronicidade nasce a partir do tempo. O tempo natural da vida expressa-se como uma “ordem sincrónica”, a qual coordena os desdobramentos de todos os eventos numa expressão cósmica do agora. A sincronicidade acontece a todo momento, mas para percebê-la é preciso profunda atenção e sensibilidade. A Terra Vermelha é o ponto de acesso ao meu alinhamento natural com o poder da Terra. É o ponto zero da perfeita centralização com o eterno presente, do qual todo o alinhamento e toda a mágica se manifestam. O meu centro e o centro da Terra carregam o segredo da força magnética da gravidade. Centralizo-me no momento presente! Este é o lugar em que mais posso observar beneficamente as sincronicidades e revelações a respeito do meu padrão pessoal e do seu propósito maior.

Deixo ir! Absorvo a vida, absorvo novos ares. Sou flexível ao fluxo sem forma do universo. Permito que o meu foco cubra um vasto alcance. Dissolvo sentimentos que me limitam. Acolho a espontaneidade e os desvios inesperados. Desfaço, quebro, misturo tudo! Permito que a minha energia viaje para onde for necessário. Liberto-me de todas as fronteiras, crenças, estruturas e limitações. Sou verdadeiramente livre. Trago a energia da liberação a todas as áreas da minha vida que precisam ser preenchidas com liberdade. Acredito que tudo é possível, que existo num universo ilimitado. Dissolvo todas as formas de pensamento de derrota e hábitos que me tirem o poder. Deixo ir ou abro mão de qualquer coisa que me impeça de fazer brilhar a minha luz.

Texto: Sónia Dias

 

Kin 37, Terra Espectral Vermelha

Eu dissolvo com o fim de evoluir
Libertando a sincronicidade
Selo a matriz da navegação
Com o tom espectral da libertação
Eu sou guiado pelo meu próprio poder duplicado

“Busca a alegria e a energia da Terra te dará a libertação.”

 

TOM 11: Espectral (BULUC) – Como libertar e deixar ir?
PODER – Dissolve | ACÇÃO – Libera | ESSÊNCIA – Libertação

SELO 17: Terra Vermelha (CABAN)
PODER – Navegação | ACÇÃO – Evoluir | ESSÊNCIA – Sincronicidade

 

1 Comment

  1. DANIEL DO AMARAL
    Agosto 18, 2019

    Muito importante se libertar de padrões antigos para poder seguir enfrente, mais as vezes parece disco riscado, fica se repetindo, repetindo.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *