Por que 29 de fevereiro é ‘0.0 Hunab Ku’ no Calendário Galáctico

O Calendário Galáctico tem um intrincado sistema de harmonias matemáticas que são gerados pelo entrosamento do ano solar de 365 dias e o ciclo de galáctico de 260 dias, criando um ciclo solar-galáctico de 52 anos. Este ciclo revela como os ciclos de tempo quadridimensionais se sobrepõem a nossa viagem tridimensional em padrões harmônicos cheios de significado. Com este mapa sagrado de tempo podemos explorar a progressão diária do que o Dr. José Argüelles chama de “ordem sincrônica”, e chegar a compreender a interligação de nossas vidas com um significado inteiramente novo.

 

0.0 hunab-ku
A precisão deste padrão de 52 anos não permite a inserção arbitrária de 29 de fevereiro como uma solução para o ano bissexto. A noção de um ano de 366 dias é totalmente incompatível com a arquitetura galáctica deste padrão de 52 anos.

O Calendário Galáctico 13 Luas / 28 Dias é uma perfeição harmonica que reflete e é sincronizado pela ordem sincrônica. Este é um ordem de realidade puramente quadridimensional, e sua perfeição do cromaticas e harmônicas estabelecem ciclos de tempo em que estão em harmonia absoluta com uma realidade de dimensões mais elevadas. Por esta razão, dentro de seu próprio sistema, o Calendário de 13 Luas / 28 Dias não reconhece o dia 29 de fevereiro, por que iria perturbar e colocar fora de sincronização este calendário com os ciclos das dimensões mais elevadas.

No entanto, conta este dia como ‘0.0.Hunab Ku’. Este dia a cada quatro anos se dá justamente entre os dias 22 e 23 da Lua Galáctica, e pode ser visto como um dia fora do tempo extra, que não é o dia da semana, lua ou giro galáctico, daí 0.0.Hunab Ku. Este é um dia especialmente espiritual desde que Hunab Ku refere-se tanto ao centro da Galaxia como ao Supremo Criador, o Doador de Movimento e Medida…

José Argüelles


Artigo original de Eden Sky publicado em:
https://www.facebook.com/eden.skywalker/posts/10156786798375314